Esta publicação tem o privilégio de, pela primeira vez, tornar acessível um conjunto relevante de documentos do Arquivo Lasar Segall, o que devemos à colaboração e entusiasmo de Nachman Falbel, que empreendeu a tarefa da tradução, compartilhando ainda seus conhecimentos sobre a cultura judaica. A correspondência em iídiche foi produzida, em sua maioria, pelos familiares de Segall, mas, entre seus interlocutores, há importantes críticos e historiadores de arte, além de personalidades atuantes em outros ramos da cultura. O artista que sempre se afirmou russo e judeu, mesmo após se naturalizar brasileiro, expressou em sua obra uma intensa ligação com o judaísmo, a terra natal e as relações familiares, refletindo esse vínculo emocional com a raiz originária e o sentimento de grupo.

Lançamento da publicação Querido e fiel Lasar – cartas e documentos em íidiche e hebraico do arquivo Lasar Segall.

Apresentação Vera d’Horta, organizadora e Nachman Falbel, tradutor.

26 de outubro, sábado 15h00.

Museu Lasar Segall

Mais informações: http://www.mls.gov.br/noticias/lancamento-da-publicacao-querido-e-fiel-lasar/

Leave a Reply