Museu Oscar Niemeyer recebe exposição de Ida Hanemmann de Campos

ida hannemann

 

Artista curitibana exibe mais de 100 obras de sua extensa carreira

O Museu Oscar Niemeyer (MON) abre no dia 30 de novembro, sábado, às 11h, na sala 03, a exposição “Ida Hannemann de Campos, entre o pincel e a pena”. Com curadoria de Fernando Bini, a mostra traz mais de 100 obras da pintora que tem a cor como principal elemento para construção de um quadro.

Ida Hannemann nasceu em Curitiba, em 1922. Pintora, desenhista e tapeceira. Foi aluna de Guido Viaro de 1942 a 1944 e frequentou os cursos de gravura com Fernando Calderari e de escultura com Francisco Stockinger.

A artista já realizou mais de 10 exposições individuais, participou de 67 mostras coletivas no Brasil e exterior e de 32 salões oficiais. Dos prêmios recebidos destacam-se: medalha de bronze no 1º. Salão Paranaense de Belas Artes (1944); aquisição nos Salões Paranaenses de 1960 e 1962; aquisição no 6º. Salão de Arte Religiosa Brasileira. Além disso, ela realizou uma retrospectiva de sua obra na Biblioteca Pública do Paraná, em 1965.

Em Curitiba, seu trabalho com murais pode ser visto no hall da Biblioteca Central da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (1994) e na Praça do Asilo São Vicente de Paula (1996). Suas obras integram acervos de diversos países, como EUA, Japão, França e Argentina. “Ida é a pintora-poeta do cromatismo primaveril”, aponta o curador.

“Ida Hannemman de Campos, entre o pincel e a pena”

Abertura: 30 de novembro de 2013, sábado, 11 horas, entrada gratuita

Até 02 de março de 2014

Horário: terça a domingo, das 10h às 18h

Local: Museu Oscar Niemeyer – Sala 3 – Rua Marechal Hermes, 999 – Centro Cívico

Ingressos: R$6 e R$3 (meia-entrada para professores e estudantes com identificação).

Entrada gratuita: No primeiro domingo de cada mês

Categoria: Exposições / permalink.